Pesquisar Apaes

Você deseja ir para qual instituição Apae? Clique nas setas para visualizar as opções.

Estado

Unidade

EDUCAÇÃO

A Escola 21 de Outubro tem como princípio institucional possibilitar o desenvolvimento da Pessoa com Deficiência visando a melhoria de sua qualidade de vida. Promove e articula ações de defesa de direitos, prevenção, orientação, prestação de serviço, apoio à família, direcionados à melhoria da qualidade de vida da Pessoa com Deficiência e à construção de uma sociedade mais justa e solidária, com auxílio de órgãos governamentais e da comunidade Escolar.

Atualmente a escola atende 129 alunos nos períodos matutino e vespertino, distribuídos em 17 turmas. O atendimento engloba Deficiência Intelectual, Múltiplas Deficiências, Transtornos Globais do Desenvolvimento e/ou Síndromes.

 

Estimulação Essencial (0 a 3 anos)

Na Estimulação Essencial as atividades educacionais e pedagógicas desenvolvidas por professores especializados têm como objetivo o estímulo cognitivo e motor, a fim de alcançar o pleno desenvolvimento da criança. Nesta etapa, o apoio da família e o acompanhamento clínico e terapêutico são essenciais para alcançar resultados satisfatórios.

 

Pré-Escolar (4 a 5 anos)

Na Educação Pré-Escolar, além do constante estímulo cognitivo, motor e sócio afetivo, as crianças entram em contato com atividades pedagógicas que estimulam o conhecimento do mundo. Além da linguagem oral e escrita e matemática, a grade curricular engloba atividades como artes, música, descoberta da natureza e aprendizado sobre a sociedade. Nesta etapa, a criança poderá também estar matriculada em um Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) ou na Rede Particular.

 

Ensino Fundamental (6 a 15 anos e 11 meses)

O Ensino Fundamental é a segunda etapa da Educação Básica e tem como objetivo a formação básica cidadã, ampliando a compreensão do aluno sobre a sociedade em que está inserido, seus direitos e seus deveres.

As atividades pedagógicas desenvolvidas nesta etapa criam condições para que o educando possa participar de várias situações, interagindo e expressando desejos, necessidades e sentimentos para que possa adquirir, progressivamente, conhecimentos que contribuam para a sua formação pessoal e social. As atividades também oportunizam vivenciar experiências sobre ações de seu cotidiano, para formar, efetivamente, um cidadão autônomo e participativo.

Além do desenvolvimento da motricidade e consciência do corpo e de seus movimentos, o aluno realiza atividades que oportunizem o conhecimento e organização espacial e temporal, experimentando e utilizando recursos essenciais, expressando desejos e sentimentos e agindo com progressiva autonomia a fim de proporcionar a socialização e interação com os demais.
A avaliação do aluno é um processo de diagnóstico para que o professor defina os objetivos, conteúdos e o nível de aprofundamento destes, pois representa um momento importante enquanto norteador de rumos e de decisões a serem tomadas após análise dos resultados. A partir da verificação do grau de aprendizagem atingido, o professor retoma os aspectos que não foram satisfatoriamente assimilados e propõem novas vivências das habilidades ainda não incorporadas.

A avaliação será de maneira processual e contínua, através de registro e observações, envolvendo situações e atividades contextualizadas, onde poderá ser observada a evolução diária das crianças, quanto aos progressos obtidos e dificuldades individuais a serem trabalhadas.

O Ensino Fundamental tem como finalidade construir uma prática educativa que tenha como eixo a formação de um cidadão autônomo e participativo, de maneira que o trabalho educacional respeite a individualidade do aluno, sua realidade social e cultural em busca da interdisciplinaridade e adaptação de conteúdos.

 

Educação de Jovens e Adultos e Unidades Ocupacionais separadas em: Qualidade de Vida, Produção e Formação Inicial (a partir de 16 anos)

A modalidade de educação destinada a jovens e adultos fundamenta-se em condições de natureza social, ética e política, garantindo às pessoas acima de 15 anos o direito de acesso ao ensino. Essa modalidade de ensino permite aos educandos percorrerem trajetórias de aprendizagens não padronizadas, respeitando-se o ritmo e o tempo de cada um, para apropriação dos conhecimentos e saberes historicamente construídos. Nesta modalidade os alunos também recebem atendimento voltado para a área da saúde e assistência social.

 

EDUCAÇÃO FISICA

A proposta da educação física é desenvolver, preparar e educar o indivíduo como um todo, proporcionando melhores condições para o desenvolvimento da pessoa com deficiência a partir de atividades diversificadas. Dessa maneira, procura-se destacar a importância que a atividade física tem para que cada aluno possa desenvolver as suas potencialidades por meio da prática do esporte.

Através da educação física os alunos da APAE alcançam conquistas diárias e conseguem vitórias em competições esportivas, jogos escolares e Olimpíadas. O ensino da educação física e o estímulo à prática esportiva motivam a pessoa com deficiência a ultrapassar barreiras, vencendo limitações e elevando a sua autoestima.

 

ARTE
A disciplina de arte permite a manifestação expressiva espontânea de cada aluno, tornando este mais criativo e participativo. No processo arte-educação não se procura formar artistas, mas favorecer o surgimento de habilidades, atitudes e de interesse pela pesquisa e pela descoberta de novidades em todos os setores do conhecimento científico e tecnológico. Assim como o artista, o aluno desenvolve sensibilidade e intuição para perceber certas possibilidades de mudança onde as outras pessoas só vem fatos realizados, acabados, definitivos e imutáveis.

 

MÚSICA
A proposta das aulas de música na educação especial tem como objetivo desenvolver diferentes habilidades como o raciocínio, a criatividade, a autodisciplina, além de auxiliar na linguagem oral, na afetividade, a percepção corporal e promover a socialização, pois pelo corpo manifestamos alegria, dor, prazer, raiva, medo... A busca pelo conhecimento, a troca de experiência e o reflexo.

 

 

Endereço:
Rua: João Bettega, 1014 • São Mateus do Sul • PR
E-mail:
saomateusdosul@apaepr.org.br
Telefone:
(42) 35322464